Penso agora em Deus Altíssimo. Quisera eu contemplar a beleza de Seu rosto resplandecente e a pureza de Suas vestes. Quisera eu, apenas por um doce segundo, mergulhar na indizível alegria dos anjos que, com seu cantarolar suave, elevam a Deus um eterno louvor.  Esta música vale uma meditação. Com um pouco de exagero, poder-se-ia dizer que as notas desta divina melodia constituem a sexta prova da existência de Deus… Ouçam, rezem. É Ele em nós. E nós n’Ele…

Anúncios