Saiu na Folha esta notícia. Vamos aguardar para ver o que vem por aí…

 

            Cineasta Roland Joffé filma vida do fundador

da Opus Dei na Argentina

            O cineasta britânico Roland Joffé filma, na Argentina, “There Be Dragons”, obra a respeito da vida de Josemaría Escrivá de Balaguer, o sacerdote espanhol que fundou a Opus Dei, ligada à Igreja Católica, e foi canonizado em 2002. Escrivá será interpretado pelo britânico Charlie Cox, 26. O brasileiro Rodrigo Santoro também está no elenco.

            “Pensei que seria interessante contar uma história moderna a respeito de um homem que foi santificado, porque isso aconteceu há pouco tempo”, disse o cineasta em entrevista ao jornal argentino “El Clarín”. “O objetivo do filme não é falar da Opus Dei, mas sim questionar o que significar estar vivo. Fala também sobre emoções humanas, amor, ódio, desejo, adoração e experiência religiosa”, continuou.

            Entre atores e técnicos, 600 pessoas trabalham nas filmagens, que acontecem na praça Belgrano, na localidade de Luján, a cerca de 70 km a norte de Buenos Aires. Luján atrai centenas de milhares de peregrinos todos os anos para sua imponente basílica.

            No elenco estão ainda os americanos West Bentley e Geraldine Chaplin, a ucraniana Olga Kurylenko, o britânico Derek Jacobi e os espanhóis Ana Torrent e Jordi Mollá, entre outros.

            Do ponto de vista religioso, o cineasta conta com o apoio do padre americano John Wauck que mora na sede da Opus Dei em Roma e dá aulas de literatura e fé cristão na Pontifícia Universidade de Santa Cruz.

            Não é a primeira vez que Joffé escolhe a Argentina como cenário de seus filmes. Em 86, ele filmou nas Cataratas do Iguaçú e na selva das Missões “A Missão”, que tinha Robert de Niro e Jeremy Irons no elenco e que recebeu Oscar de melhor fotografia e a Palma de Ouro do Festival de Cannes

Anúncios